07 novembro, 2010

 Hoje é Domingo e ja estou a desesperar!
 Pode-se dizer que a vida de estudante é algo que nunca nos iremos esquecer, os melhores anos da nossa vida, mas a sensação que eu tenho no meio disto tudo é que quem disse tal frase andou provavelmente em todo o tipo de festas, borgas e baldas que se poderia imaginar.

 Para mim esta fase do campeonato é desesperante, um Workaholic nervoso e ansioso, como eu sou, não consegue manter a calma perante estes dias que antecedem a um teste importante.
 Acho que maior parte dos jovens que são... Jovens, não consegue compreender o que é ter o nó na garganta quando está tudo equilibrado e preparados no dia a dia.

 Amanhã começa mais uma segunda feira horrivel, e eu sinceramente n me apetece sair da cama...

02 novembro, 2010

Dentro de Mim

 Dentro de mim está a confusão,
 A Definição caotica do que é o labirinto.
 A minha tentativa desesperada de dizer que sou vivo e sou feliz.

 A verdade que se esconde por detras do meu sorriso futil
 A verdade que doi e mata, mas ao mesmo tempo revitaliza,
 Pois só a verdade nos dá o que por direito é nosso.
 E o que é nosso é a razão pela qual vivemos.

 Dentro de mim está tudo,
 Uma gaveta aberta de cheias espectativas,
 Uma fechada de sonhos, vazios.

 Só dentro de mim é que está a lagrima que escorre,
 Por um mundo que vivo,
 Que não é meu e não me pertence,
 Que não me enquadra como seu habitante,
 E me é desconhecido, tal como eu sou desconhecido para ele...

31 outubro, 2010

Nova Tara

 Ok tenho uma nova pancada... Chama-se Moleskine!
 Para quem n sabe

 "Moleskine (AFI: [mɔleˈskine]) é uma marca de cadernos de notas produzida pela empresa italiana Moleskine SRL. Embora o nome aluda ao tecido de mesmo nome, moleskin, o caderno não é produzido ou revestido com ele, e sim com uma capa dura de cartão envolvida por material impermeável. Outras características que a distinguem são cantos arredondados, uma tira de elástico para mantê-la fechada (ou aberta em determinada página) e uma lombada costurada que permite que ela permaneça plana (a 180 graus) enquanto aberta. A folha de rosto vem impressa para que o seu proprietário possa escrever os seus dados pessoais, assim como estipular um valor de recompensa caso alguém a encontre perdida.

A Moleskine voltou à moda em nossos dias após as descrições feitas pelo escritor Bruce Chatwin dos cadernos de notas que usou. A sua versão actual, entretanto, não é uma descendente directa da Moleskine original. Chatwin usou cadernos de notas similares constantemente durante as suas viagens e escreveu brilhantemente acerca deles. O seu suprimento de cadernos, entretanto, cessou em 1986, quando a papelaria que lhos fornecia, na Rue de l’Ancienne Comédie, em Paris, informou-o de que o último fabricante de moleskines, uma pequena empresa familiar estabelecida em Tours, descontinuara a sua produção naquele ano, após o falecimento de seu proprietário."

  Fonte Wikipedia

Pode-se dizer que escrevi muito nele, enquanto andei desaparecido do blogue... quem sabe se não irei postar no futuro algumas coisinhas que por lá escrevi e tenho escrito 
  
 Agarra a Oportunidade que te é dada,
 Que foi entregue a tua alma,
 Fechada nos confins da tua mente
 deixa-a fluir livremente,
 Para que a possas agarrar e deixa-la seguir o seu caminho.

 Olha-a nos olhos,
 Sente que lhe deves respeito,
 Não te desvieis dela,
 Pois precisas do seu proveito.

 Sente que o tempo não para,
 Sente a velocidade  desmedida a que passa a tua juventude,
 Pois se não agarras esta oportunidade.
 E quando a  vais agarrar ja o comboio parte,
 Estas perdido mais uma vez na tua vida.

Nova Era

 Acho que neste momento posso considerar que me encontro numa nova Era da minha vida...
Este Status Pseudo Adulto faz com que continuem a circular montes de duvidas existenciais sobre a minha propria existencia que muito provavelmente (com algum receio meu) me irão acompanhar para o resto dos meus dias.
 Sinceramente deixei de gostar do nome do meu blogue! Acho-o demasiado Depressivo para o considerar meu (embora eu seja muitas vezes um poço sem fundo de frustração e desespero), mas sempre que olho para aquela listagem de 500 e tal posts que tenho lembro-me das 500 e tal vezes (E mais algumas) que por aqui tive a desabafar da minha vida e das minhas frustrações, tal como das minhas victorias, lembro-me que cada palavra, cada frase, numa determinada altura me identificaram e fizeram todo e o mais perfeito sentido para mim.
 Talvez deva sentir-me um felizardo por poder conseguir recuar atras no tempo e ver como evolui (emocionalmente e psicologicamente) e poder tambem tirar alguns juizos de valor sobre a pessoa que me fui formando.
 Sinto que estou numa nova era... sinto que as coisas agora têm mais proposito de ser do que provavelmente a uns tempos tinham!
 Crescer nunca foi facil, nem nunca será facil, principalmente para aqueles que mais nos amam e nos rodeiam, esses são sempre aqueles que mais nos têm que aturar nos nossos momentos dificeis, são aqueles que têm que nos ouvir gritar e dizer por vezes coisas que não nos estão no coração.
 Neste momento não posso dizer que me encontro nos dias mais felizes da minha vida, encontro-me naquela fase turbulenta e confusa que eu posso chamar de vida, a constante depressiva que me rodeia, a problematica gigante que formula sempre no medo e na desilusão... Tou a tentar vive-la de uma forma diferente, encara-la com a idade que tenho, com a experiencia que tenho e sempre, sempre a tentar ver o lado positivo das coisas.
 

24 outubro, 2010

Motivos de Falta de posts

 Sei que há Algum tempo que não posto nada aqui no blog, o motivo é facil: Falta de Tempo.

 Acreditem ou não, eu estou numa fase de "overloading", tenho desmasiado trabalho e pouquissimo tempo para poder postar o que quer que seja aqui.
 Por vezes ate tenho vontade de postar alguma coisa, mas chego tão cansado a casa que não me apetece sequer vir ao PC.

24 setembro, 2010

zZzZz

 Welcome to my world:

 TARDE A ESTUDAR DCR :O

16 setembro, 2010

E ao Fim de...

 E ao fim de uma data de tempo sem dizer absolutamente nada... Bem o que aconteceu foi que eu precisei de me afastar de tudo e mais alguma coisa durante um tempo, precisei do meu espaço, precisei de batalhar as minhas proprias batalhas e colocar as minhas ideias em ordem...
  De qualquer forma, o semestre começou e sinto que a boa sorte que me tem transportado ainda não acabou (neste momento acredito que somos nos quem construimos a nossa propria sorte).

 Não Obstante, espero do fundo do meu coração que todas as provações a que tenho sido alvo durante os ultimos tempos tenham servido para crescer, para melhorar a minha visão do mundo, para fazer de mim a pessoa que sou hoje, (uma pessoa melhor do que era a uns tempos atras espero eu...).
 Este inicio de Semestre foi um bocado agitado... acho que voltei a colocar muita pressão sobre mim, de qualquer não me posso queixar pois foi essa pressão que fez com que o semestre passado tenha corrido como correu.
 A minha ansiedade não desapareceu, mas agora acho que convivo melhor com ela, ela faz parte de mim e eu sou a pessoa que sou pois tenho estas crises ansiosas, que moldam a minha personalidade muito defensiva quanto a mim proprio e que fazem com que eu evita arranjar problemas para não ter que sofrer com a ansia de ter que sofrer as consequencias.
 Não consigo ser uma pessoa descontraida e não consigo estar-me a "cagar" para as coisas que me rodeiam... é Impossivel tenho mesmo que me preocupar com alguma coisa.

 Quanto ao Verão a unica coisa que posso dizer foi que:

 -Vi uns quantos Filmes (Mas bons filmes nada daquelas tretas que por vezes dão nos canais publicos no fim de semana)
 -Li uns bons livros (Acabei o Amor nos tempos de Colera e ADOREI... pá eu sou fã da escrita do homem que é que se há de fazer)
 -Emagreci... Eu fiquei meio gordinho o semestre passado mas agora ja tou normal :O
 -Sai Muito! Sem duvida, andei por muitos lados, conheci muita gente e Diverti-me a Valer.
 -Recarreguei as energias e RI como nunca me tinha rido antes.

 De qualquer forma, Bom Regresso aos vossos deveres

26 julho, 2010

Embora saiba que n escreva aqui a muito tempo, talvez porque a vida seguiu um rumo diferente, talvez porque deixei muito de mim para conseguir alcançar alguns objectivos, acho por bem Dizer que fiz 7 das 8 cadeiras que me propus fazer este semeste... Por isso VICTORY!!!

23 junho, 2010

R.E AL

 Finalmente alguma coisa que me fez sorrir

 

19 junho, 2010

 TOU MEGA ESTAFADO!

16 junho, 2010

 Tou tão perto de rebentar

15 junho, 2010

Ainda estou vivo e ainda estou cheio de trabalho :) faltam 6

09 junho, 2010

 Exames 1-0 ganho eu :X

28 maio, 2010

 Eu sei que sou uma ilha, que não mostro quem sou, ao mesmo tempo o que mostro faz parte de mim, tenho pena é de que maior parte das pessoas pensam que me conhecem só por verem uma parte daquilo que mostro.
 
 Eu sei, Eu sou uma ilha...

11 maio, 2010

 Acho que nunca tinha tido um indice de posts tão baixo desde que criei o blog!!!

 Vou culpar a FCT!

 By the way tou doente E tenho teste no sabado E preciso de Estudar -.-

09 maio, 2010

 De Excessos e Loucuras está o mundo farto, talvez seja altura de começarmos a ter atitudes correctas e lineares para suavizar a mare negra em que a sociedade se afundou

06 maio, 2010

 Eu vou lutar pelos meus sonhos, Mesmo quando o caminho se tornar mais nublado!

02 maio, 2010

Objectivo

 Road To Estruturas

27 abril, 2010

 Afinal porque é que todagente diz que eu sou imaginativo demais?
 Será assim tão mau que a minha imaginação seja o aspecto que mais sobressai na minha personalidade?

 Ja não percebo nada... o Mundo parece-me consumido e eu a muito que sinto que ja perdi o comboio.
 Enfim...

21 abril, 2010

 Cansado... e a desistir

12 abril, 2010

Samouco

Perdi-me, Encontrei isto, Tirei... Acreditem ou não, acho que dantes esta era talvez uma das imagens mais vistas ao longo do Rio Tejo...
 Bem Eu hoje dei por mim a pensar que tou sem inspiração.

 Mais uma coisa... :D aos anonimos, identifiquem-se! XD

04 abril, 2010

Boa Pascoa

 Bem pessoal Tive no Alentejo, mais precisamente em Moura, Dei uma volta pelo Alqueva, Passei por Monsaraz e Pela Aldeia da Luz, Dei um Vislumbre rapido Por Evora e ainda deu para sentir o cheiro da noite nocturna, No Tarro.
  Sinceramente não sei se ganhei se perdi tempo este fim de semana, Se perdi tempo de estudo, ou ganhei tempo para "mim".

 De qualquer Forma, Soube Bem.

30 março, 2010

Determinação!

 Eu sei que tenho escrito muito muito pouco, mas têm-me sido muito dificil gerir o tempo, se há coisa que não tenho tido é tempo para mim proprio.
 Sei perfeitamente que estou a começar a tocar no "limite" da minha "preserverança" em termos academicos, mas a realidade é que me tenho esforçado e agora comecei a entrar na fase receosa da minha situação.
 O não Cumprir os meus objectivos tem sido um fantasma que me começa agora a controlar, o facto de estar a dar muito de mim faz com que a pressão sobre o que realmente quero alcançar com o meu trabalho seja maior.
 Contudo aprendi um coisa importante nestes ultimos dias, aprendi que a Força vêm da necessidade do ser humano cumprir os seus objectivos, ultrapassar a suas metas e contornar as barreiras, mesmo que invisiveis, existentes.

  Peço desculpa aos blogs que acompanho por não dar uma palavra amiga, peço desculpa aos meus amigos por não poder estar presente neste momento.
 Mas preciso de passar esta etapa com sucesso para que possa a voltar a sentir que sou Eu.

14 março, 2010

Desafio?

 Bem a Asiram desafiou-me o seguinte:

 1. Dois truques de beleza:  Deixar Encardir e nunca lavar! XD haha

2. Duas prendas que gostes de receber:  Um Abraço  Sentido e um Pouco de Carinho

3. Local preferido para fazer compras: Qualquer sitio onde houver o que quero.

4. Dois defeitos: Orgulho e Orgulho

5. Duas qualidades:  Não estou em posição de revelar.

6. Dois produtos de beleza recomendáveis: Sujidade (Ó Asiram isto não é um bocado femenino demais? XD)

7. Três manias: Ver se o carro está fechado 4 vezes, ver se tenho as coisas da faculdade 4 vezes, conferir as horas.

8. Três características que não suporta nas pessoas:  Gente com a mania que tem dinheiro e pessoas futeis

9. Três características que admiras nas pessoas:  Pessoas que Tenham Personalidade

10. Uma pessoa especial para ti: A minha Mãe!

13 março, 2010

 A profundidade do Ser Humano, é a diferença entre o pensamento e a futilidade.

10 março, 2010

"O Relogio não para e eu não posso parar o tempo."

 Uma flor meio aberta no inicio da madrugada,  um cão que desperta com os primeiros raios,  uma abelha solitaria que voa sem destino pelo caminho agora visivel e um Solitario homem a espera de uma gota de esperança.
 O Inicio festivo para uns, descansado e Miraculosamente calmo, rejuvenecedor... uma tormenta para outros que o vêm como mais um dia a procura de algo que sabem que não vão encontrar.
  Diz-se que Deus deu Esperança aos Homens para poderem aguentar as tormentas da vida, mas o sentido de Esperança muitas vezes dilui-se com todo o sofrimento que o ser Humano passa.
 Diz-se que o começo de um novo dia é como o aparecimento de uma nova oportunidade para aqueles que a querem agarrar... mesmo sabendo que muitas vezes essa oportunidade é agarrada por terceiros ou nunca chega aparecer as mãos de quem mais precisa.
 A realidade é que muitos de nos estão fartos de acordar e saber que no final do dia vão continuar de mãos a abanar, vão continuar a sentir que o dia foi tão vazio como o anterior, sentindo que estão em processo de estagnação a demasiado tempo... mesmo demasiado.
 Escrevo este texto pelo facto de o meu processo de estagnação estar no auge, sinto que os dias não tomam qualquer diferença, começo-me agora a preocupar com o tempo... Optimizar o Tempo, Gerir o Tempo, Saborear o Tempo.
 Saborear o momento em que me posso dar ao Luxo! O Luxo de poder não fazer nada... e mesmo assim esse momento não é uma escolha, passa na obrigação de não poder fazer nada, quando conduzo para a faculdade, quando tomo banho, quando almoço... Posso dar-me ao Luxo de Pensar, de Imaginar, de Inventar, de Voltar a sentir que estou vivo.
 Neste momento não sei bem o que posso definir ao escrever no blog... Talvez esteja a dar-me ao Luxo de vir aqui, Talvez esteja demasiado cansado para conseguir fazer o que quer que seja...
 A realidade é que neste momento sinto-me parte de algo, mas afastado de tudo...

 Os meus dias parecem-me iguais, as minhas horas, minutos, segundos, e mesmo assim não sei bem se são meus...

 "O Relogio não para e eu não posso parar o tempo."

09 março, 2010

Sonambulo

Eu sei que não tenho comentado muito (ou mesmo nada) blogs e assins... mas a realidade é que mal tenho tempo para vir cá dar sinais de vida.

 Parece que a minha vida se começa compor... uma peça de cada vez.

08 março, 2010

 Pá eu escrevi uma grande texto, um texto gigantesco e depois apaguei tudo porque lembrei-me de uma coisa que me disseram a cerca de 10 minutos... por isso apaguei, apaguei porque tenho amigos que se preocupam o suficiente comigo para eu poder dizer que tenho BOns amigos por isso...

 Obrigado Francisco eu sei que es um Gay e que me vais chamar Gay Mas obrigado P0t/\!

Coisas!

 Sabem aquelas alturas em que ora nos sentimos uteis ora nos sentimos inuteis?

 Acho que estou numa dessas alturas...

06 março, 2010

 Porque é que eu penso de mais?

02 março, 2010

 As pessoas não Alcançam!

01 março, 2010

Cansado

 Cansaço... tenho o meu cerebro cansado, cortado aos bocados e colocado num triturador.
Cada objectivo que me propus parece uma facada na minha alma, e agora sinto o meu coração cheio de cicatrizes, uma por cada objectivo que me propus... uma por cada sonho que tenho.
 Pensei que conseguia lidar com tudo mas na realidade não consigo lidar com nada, sei que não preciso das cicatrizes para alcançar os meus objectivos e muito menos os meus objectivos são obrigatoriamente originadores de cicatrizes, o culpado sou eu de querer tudo, e no fim não conseguir tocar em nada.
 Sofro demasiado, amo demasiado Apego-me a todos Voces demasiado, sim é verdade, sou o tipo de pessoa que gosta de ver todos a tona de agua e que não deixa que ninguem se afunde, houve uma altura que as pessoas diziam que tinha caracteristicas de lider... a realidade é que tenho mas não as consigo aproveitar, ou voces não me aproveitam.
 Fazem de mim muitas vezes um cristo, um martir e eu sinceramente estou farto de carregar a cruz por outros, muitas vezes fazem de mim a vossa bota furada, o vossa ultima opção... mas na verdade tenho tantos sentimentos como voces, tenho tantos sonhos e esperanças como todos voces...
 Sei que sempre fui diferente, sei que ninguem na realidade me conhece, talvez a unica altura que me sinto eu proprio  é quando para aqui escrevo todas as minhas lamurias e os meus segredos, partilhados para quem quiser ler.
 Incrivel, desabafo para o ar, para um dia mais tarde andar aqui a ler e ver como era infantil, uma autentica criança parva...
 Peço desculpa a mim proprio por me humilhar desta maneira e mais para todas as pessoas que oportuno...
  
 Enfim e mesmo agora tudo começou.... 
 
 

28 fevereiro, 2010

Acho que hoje aprendi uma lição :

 "O Altruismo Paga-se Caro"

25 fevereiro, 2010

 Será que isto tudo o que estou a passar irá mesmo valer a pena?
 Por vezes pergunto-me se o meu isolamento ira mesmo compensar no final... Tenho medo de estar a abdicar demasiado da minha vida pessoal para conseguir atingir os meus objectivos "profissionais", nunca pensei em ser tão sociavel como sou e tambem nunca pensei em sentir tanta  falta de companhia como sinto... Talvez ja não me consiga lembrar da Criança que era, quando me sentava a brincar sozinho, imaginando personagens que nunca existiram... Talvez agora tenha perdido essa capacidade de conseguir ser "feliz" no meu proprio mundo.

23 fevereiro, 2010

TraBalHo!

 Tou tão cheio de trabalho:

 ICP : Convem ir acompanhando
 IOB : Trabalhos de casa Semanais
 MCE : Convem tambem ir acompanhando
 ARQ : TRABALHOS -_-
 EST: Estudar... convem ir estudando
 PEC: Mais uma que convem ir estudando
 HOD: trabalhos de grupo...
 MMC: Loucura! + trabalhos...

 Ou seja não tenho vida :)

19 fevereiro, 2010

09 fevereiro, 2010

Pó de Estrelas

 Por vezes gostava de desaparecer,
 De me desvanecer por entre os vossos olhos,
 De deixar de me sentir parte deste mundo incompleto,
 De deixar de me sentir um estranho no meio de iguais.

 Porque eu sou como o vento,
 Sempre o fui,
 Carregado de ares de um novo mundo,
 De esperanças e de sonhos, que desvanecem em cada acção minha.

 Tenho saudades tuas,
 Saudades de quando eu era eu e tu eras tu,
 Agora sou apenas mais um, entre os muitos que são muitos.
 Esses muitos não são nada mais do que o nada que me rodeia.

 Ja não sou especial, nunca o fui talvez,
 Ja não tenho alguem a quem chamar amigo...
 Apenas muitas caras que me sorriem porque eu existo...
 Ja não me chega o vosso amor, não percebo o quanto me dão, mas não é suficiente.

 Preciso de falar palavras que não me saem da boca,
 Preciso de chorar lagrimas que talvez nunca existiram,
 Preciso de me sentir um coração vazio e sombrio...
 Ou talvez não precise de nada disso... apenas de um sorriso amavel e de um ombro comodo onde chorar

 Tenho saudades da estabilidade que eu proprio me proporcionava...
 Agora vejo as paredes do meu mundo a desmoronarem-se e eu fico isolado no meio deste meu mundo em ruinas...
 Que tu uma vez chamaste de Farol, que muitos uma vez deram confiança...
 E agora vivo com sonhos de um fantasma do passado a quem eu chamava de Eu.

 Gostava de saber a quantidade de Ar que estas bolsas retem...
 porque no final da canção meus amigos... no final da canção...
 Quando o meu coração cessar
 As minhas ultimas palavras serão... "somos nada mais do que pó de estrelas"

Sera que?

 Será que algum dia me vou sentir completo?
 Será que algum dia vou perceber que o crescimento é uma fase injusta... porque é que me sinto a ficar para tras quando todos os outros galopam a minha frente...
 Será que todas estas minhas duvidas têm pela base mentira e eu estou tão ou mais a frente que os outros?
 Tenho saudades... Saudades de me sentir parte de algo em que acredito, saudades de me sentir um molde para os outros, um exemplo um guia.
 Tenho saudades que me olhem como acho que me devam olhar, alguem em quem podem confiar... tenho saudades...

05 fevereiro, 2010


 Porque é que as pessoas perguntam se eu estou triste... quando eu nunca disse que era feliz?

31 janeiro, 2010

No Limite, No Extremo, Na minha solidão

 


 Encontrei-te hoje escondida na minha sombra,
 Vi nos teus olhos o tilintar de um cristal,
 Tentei ouvir o teu bater do coração,
 Mas quando encostei meu ouvido no teu peito senti o frio do metal...

 Estava Escuro ou enublado...
 Ou era eu que não te queria ver,
 Tentei encontrar o teu rasto,
 Mas quanto mais procurava mais me estava a perder.

 Por fim encontrei-te, mas preferia não te ter achado
 E na base Limpei-te... o teu metal  que afinal estava embaciado
 Fiquei vidrado em ti, comecei a perceber,
 Porque tudo o que eu vi, era eu... a sofrer...

(A foto foi tirada hoje... e não me sinto grande coisa não)

29 janeiro, 2010

28 janeiro, 2010

27 janeiro, 2010

25 janeiro, 2010

Obsecado

 Há dias em que me pergunto porque é que eu sou tão obsecado com a faculdade...

 Passo horas e horas a ver se saem notas, em vez de estar a fazer outra coisa qualquer que me anime do estilo "ver Televisão" "jogar" "ler" ou ate mesmo "estudar".

 Deus do ceu... gostava de não ser assim

24 janeiro, 2010

23 janeiro, 2010

Ponto de Situação

 Eu sei que não tenho escrito aqui ultimamente, muito devido aos Exames que tenho tido... Até agora fiz 3 exames (deixei 2 para epoca de Recurso) e fiz 2 cadeiras e estou a espera da nota da terceira...
 Pode-se dizer que as coisas ate estão a correr bem :D.

 Comprei um tripé hoje e estou assim bastante entusiasmado :P

 Haha :P cumprimentos para quem acompanha :D

22 janeiro, 2010

19 janeiro, 2010

18 janeiro, 2010

17 janeiro, 2010

Por vezes...

 Por vezes tenho olho...



 

14 janeiro, 2010

Epoca de ExaMes

 Pá... Sabem aquela altura ao fim de terem marrado para uns quantos exames em que não vos apetece fazer mais nada...

 Eu estou nessa altura, aquela altura chata em que olho para os livros e estou a começar a tornar o meu cerebro em gelatina xD

 DCR IS ON THE WAY :X :X :X

12 janeiro, 2010

E depois do desastre...


E depois do Incendio que ia dando conta do meu quarto, da dor de cabeça que apanhei na sexta feira, da frustração das coisas correrem mal, do azar que foi perder algumas coisas e a sorte ter preservado outras eis que o meu quarto está denovo reluzente...

11 janeiro, 2010

A uns tempos...

A uns tempos escrevi este Texto e agora que melhor se deveria aplicar não consigo...

08 janeiro, 2010

altura de exames n posso falar muito aqui ;)

04 janeiro, 2010

4-01-10

 

 Ok talvez este seja o meu primeiro post do ano "serio", mas que interessa...
  Como podem imaginar eu neste momento tou a saborear os primeiros de ar com 21 anos e volto a frisar que não sinto nada diferente... continuo com a mesma mentalidade que tinha (isto é um pouco uma resposta aquelas pessoas que pensam que mudam completamente o que são quando fazem anos xD) a realidade é que todos nos crescemos um bocadinho todos os dias... uns mais que outros mas que interessa XD

 A minha epoca de exames vêm ai e talvez vá andar um pouco mais desaparecido... não obstante queria agradecer a todos aqueles que por aqui passam e deixam o carinho ali em baixo nos posts, a todos aqueles que lêm só por ler e mesmo aqueles que lêm para se rir de mim... mas que interessa? eu pelo menos mostro o que sou não ando com disfarces...

 Que este ano 2010 vos traga muitas felicidades e muitos momentos de viragem (para melhor obviamente)

 

03 janeiro, 2010